Free Shoutcast HostingRadio Stream Hosting

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

NÃO BASTA MATAR PROFESSORES, AGORA QUEREM MATAR A ESCOLA FISICAMENTE TAMBEM!

O retorno do feriadão de Natal foi desagradável para a comunidade da Escola Estadual de Ensino Médio Lajeado Grande. Funcionários e professores da instituição, que funciona no distrito há 55 anos e atende 280 alunos, encontraram o prédio depredado na segunda-feira. Vidros estavam quebrados e parte das paredes, pichadas.

Na madrugada de terça, os vândalos agiram novamente. Ao todo, 86 vidros foram destruídos e palavras ofensivas foram escritas no prédio. A ação causou estranheza à comunidade de Lajeado Grande, que tem cerca de 3 mil habitantes e está acostumada com a tranquilidade.

Para os professores, a tristeza pelo vandalismo foi ainda maior devido ao projeto desenvolvido em 2010 com os alunos.

— Trabalhamos o ano inteiro a questão da conservação do patrimônio público. A gente ficou totalmente chocado — desabafou a professora Leodenira Luz de Andrade. Nem a proximidade com o posto da Brigada Militar do distrito, inaugurado em junho e distante aproximadamente 300 metros do colégio, inibiu os vândalos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário