Free Shoutcast HostingRadio Stream Hosting

terça-feira, 30 de agosto de 2011

NA TERRA DO HONORIS 51 DA SILVA, A APADRINHADA OUVE O QUE NÃO QUER!

Protesto em Garanhuns contra "Dil-Má": instituições federais em greve
Protesto em Garanhuns contra "Dil-Má": instituições federais em greve (Foto Aline Moura/D.A.Press)
dilma-protesto-garanhuns1
Por enquanto, a informação está apenas da versão online do Diário de Pernambuco. Leiam. Volto ao tema no próximo post.
A presidente Dilma Rousseff (PT) e sua comitiva foram recebidos com um protesto e um apitaço promovidos por técnicos da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). A confusão aconteceu no Campus da Universidade de Pernambuco (UPE), em Garanhuns, onde a petista participa da aula inaugural do curso de medicina.
As universidades federais de todo o país estão em greve desde o dia seis de junho reivindicando melhoria salarial. O grupo, formado por cerca de 50 participantes, trouxe um boneco gigante fantasiado da presidente petista com a palavra Dilma-má impressa na roupa.
“Curupira”
Antes, na cidade Cupira, no agreste pernambucano, houve outro protesto, que tinha como alvo também o governador Eduardo Campos (PSB). Os manifestantes cobravam o pagamento do piso do magistério, abertura de um posto do INSS, de uma delegacia do da Polícia Federal, melhorias na saúde e construção de uma estação de tratamento de esgoto.
Dilma falou a uma platéia de 3 mil pessoas, reunida para aplaudir, como sabem. Ao se despedir de Cupira, informa o Blog de Magno Martins, chamou a cidade de “Curupira”, que,  informa o dicionário, é “ente fantástico das matas, descrito predominantemente como um anão de cabelos vermelhos e pés ao inverso”.
Então tá. Poderia ser pior, evocando Odorico Paraguaçu:  “Gente da minha terra, povo de Sucupira…”
Protesto em Cupira, que Dilma chamou "Curupira" (Foto: Rosália Rangel/DP)
Protesto em Cupira, que Dilma chamou "Curupira" (Foto: Rosália Rangel/DP)
Por Reinaldo Azevedo

Nenhum comentário:

Postar um comentário