Free Shoutcast HostingRadio Stream Hosting

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

“Antigamente eram os judeus que morriam de fome nos guetos cercados pelos nazistas. Agora são os palestinos em um gueto de Gaza cercados pelos judeus!” […] “Israel nunca seria criado se fosse para ser somente “a jewish homeland”. Israel intenciona ser a capital do Mundo Cabalista do Império Rothschild.”

“Esta é a clássica tática sionista: matar, roubar e levar tudo.”

Israel é a fonte primária do anti-semitismo no mundo e joga com a segurança de todos os judeus. Se auto-proclamando um “Estado judeu”, mas agindo como um Estado pária, Israel expõe todos os judeus à revolta e vingança.

O assassinato dos ativistas pela paz em Gaza proporcionou mais evidências que a meta atual do sionismo não é proteger os judeus do anti-semitismo, mas sim criar anti-semitismo.

O propósito é tornar os judeus um população pária entre as nações, sem qualquer opção a não ser seguir os ditames sionistas.

Eventualmente, eles serão sacrificados pelos propósitos sionistas, como foram no holocausto. Isto porque o sionismo é uma sociedade secreta maçônica (illuminati, cabalístico, satanista) que intenciona erigir uma Nova Ordem Mundial totalitária. A maioria dos judeus não tem qualquer papel nisso, exceto serem sacrificados novamente por uma causa que eles desconhecem.
O autor reafirma o holocausto, esquecendo convenientemente que as pesquisas revisionistas já revelaram inúmeras inconsistências no relato “oficial” desde episódio. Como todos os outros povos envolvidos na terrível guerra mundial, os judeus não foram os únicos que sofreram. Mas através da propaganda sionista, eles tiveram seu sofrimento marqueteado com o slogan “holocausto”, utilizado como “cala-boca” político em qualquer discussão. Nós já revelamos essa tática no artigo A chantagem inaceitável – NR.

Os sionistas estão retirando dos israelitas e judeus sua legitimidade moral, pois assim eles podem ser liquidados novamente sem qualquer escrúpulo. E a maioria dos israelitas e judeus cooperam suportando as atrocidades de Israel com desculpas frágeis, alegremente indiferentes quanto às possíveis consequências.
Resolva a moral aritmética: Em 2006, Israel matou 1.400 libaneses e infligiu danos de 10 bilhões de Dólares porque dois soldados haviam sido capturados. Em 2009-2010, Israel matou 1.300 civis em Gaza e passou a régua em inúmeras edificações por causa de alguns foguetinhos. E agora isto: assassina ativistas internacionais desarmados que traziam ajuda à população de Gaza sitiada.

Com suas ações, Israel joga com a segurança dos judeus por toda parte. Similarmente, em 1933, Samuel Untermeyer, representando a judiaria organizada, “declarou guerra” contra a Alemanha nazista. Isto enquanto meio milhão de judeus ainda viviam na Alemanha e onde estavam sujeitos à repressão e perseguição dos nazistas! Os judeus de hoje são reféns do comportamento descarado de Israel.

Pátria judaica?

Israel nunca seria criado se fosse para ser somente “a jewish homeland”. Israel intenciona ser a capital do Mundo Cabalista do Império Rothschild. Judeus comuns não tem qualquer papel nesta trama, exceto como bucha de canhão.

Meus avós morreram no holocausto. Eu culpo os banqueiros illuminati que levaram os nazistas ao poder. Eu culpo os sionistas por sua colaboração com os nazistas. Eu culpo o sionismo por ter evitado o resgate dos judeus europeus. Eu culpo os sionistas por cessarem a ajuda aos guetos. Eu culpo os sionistas por reunirem e enviarem os judeus aos campos de concentração. Eu culpo os sionistas por sabotarem a resistência judaica.

Israel não foi criado como resultado do holocausto. Foi uma outra tacada. Os nazistas foram levados ao poder para em parte forçar os judeus a se mudarem para Israel, para os Rothschild e Illuminati.

E parece que depois não seguiram fielmente as ordens dos plutocratas: um conflito regional com a Polônia foi pretexto para os plutocratas declararem guerra contra este país e deflagrar então a Segunda Guerra Mundial, uma guerra que teve muitos pais – NR.

Ironias

A história está repleta de ironias! A flotilha da paz me remete aos navios do Haganah que furaram o bloqueio britânico para levar refugiados à Palestina. Agora são os jovens israelitas desiludidos que brincam no papel de outrora dos britânicos.

Antigamente eram os judeus que morriam de fome nos guetos cercados pelos nazistas. Agora são os palestinos em um gueto em Gaza cercados pelos judeus!

Como de costume, os israelitas estão tentando pintar o assassinato de 20 ativistas pela paz e desarmados como um ato de legítima defesa. Comandos armados com metralhadoras foram atacados com canivetes!!!

Esta é a clássica tática sionista: matar, roubar e levar tudo. Então a culpa é da vítima por ter levantado a mão em sinal de protesto. Anti-semitas!

É claro que a patética mídia controlada do ocidente toma as dores dos sionistas.

A maioria dos judeus é decente, boas pessoas. Eles acreditam na ordem moral, não na nova ordem mundial.

Sionistas não são judeus. Já é tempo de mais judeus pronunciarem isso.

Henry Makow, Ph.D.

henrymakow.com, 31/05/2010.