Free Shoutcast HostingRadio Stream Hosting

sexta-feira, 25 de março de 2016

As vagas tentativas, para combater o crime no poder...


Mais uma reflexão, que ninguém lerá, fato!
Conforme CNJ (Conselho Nacional da Justiça), o Brasil possui 16.281 magistrados, destes, 1.549 são Federais, no qual, não mais de 5% dos Juízes Federais, convivem diuturnamente sob ameaças e risco de morte, fazendo com que vivam sob forte esquema de segurança, como é o caso do Juiz Federal Sergio Moro, cujo risco faz parte de suas atribuições profissionais, e obrigação em exercer seus julgamentos conforme lei, "..doa, a quem doer!", talvez não possa dizer o mesmo dos demais juízes, pois os resultados suponho que sejam pífios, ou de menor relevância, considerando que os descalabros no País existem a décadas, e não nasceu com o PT, e sim agravou, pois nas inúmeras listas divulgadas, comprovam.
Mas..., por outro lado, também podemos diagnosticar proporções idênticas, de mesmos resultados com baixos percentuais, dos que "tentam" fazer algo pró ativo, que não passa dos 3% dos Brasileiros, os tais 6 milhões pró...Nada, que entendem "uma ínfima parte" do que ocorre no seu País, mesmo optando por alternâncias socialistas, "na tentativa e erro", em seus "achismos" democráticos, com ferramentas impedimentistas que funcionariam em um País menos contaminado e aparelhado, não servindo para o caso do atual Brasil, e que também não podem ser interpretados como favores cidadãos, e sim DEVER CÍVICO, se não profissional para defender sua Pátria, e nesta reflexão, ignoraremos as décadas perdidas, cujo desleixo cívico brasileiro, agravou o cenário por omissão.
... se analisarmos a média de poucos percentuais, frente a uma nação que é de 100%, será que não esta na hora, de rever conceitos, e propor algo que realmente seja pró ativo para o Brasil?!
... não seria melhor, magistrados refletirem, e se descontaminarem das doutrinas, como as tais, e muito comentadas nas redes sociais, “Direitos dos Manos", e do “politicamente correto”, nos julgamentos?...sobretudo, abandonando manifestos tipicamente socialistas, Pró ...Nada, como assinatura de meros 4,3% dos juízes, ou seja, mais ou menos 700, apoiando Sergio Moro, de pouco ou nenhum efeito prático, e assim, pondo o Poder judiciário de "Pronto para Ação" de fato, contra o crime que se apossou...?!
Por que não optamos pensar e agir com raciocínio lógico, e não, para o que fomos doutrinados durante três decênios, com manifestos e manifestações meramente socialistas, Pró...Nada?!
Por que não paramos o Brasil, com seriedade e comprometimento, nos unindo aos Morais e Pensantes, que não almejam algo político?!
"Logo,
-Dos 16.261 Juízes, 4,3%, ou seja 700, apoiam o Juiz Sergio Moro,
-Dos 200.000.000 de brasileiros, 3%, ou seja 6.000.000 defendem alternância do poder, Impeachment, Fora Dilma, Fora PT, Fora Lula, e nada mais, pois é o mesmo que inocentar todos resto do cesto de laranjas “podres”?"
Pois temos que dar basta a hipocrisia de falsos heróis, e intitulações como: Lideres; e Presidente, que nada valera, se não nos mantivermos formos cultos, promovermos o rumo de nossa história, monitorarmos e cobramos, cada representantes, cada projeto, na condução de bons atos a Nação, por líderes “natos” e naturalmente, e NÃO os auto-intitulados líderes, desprovidos de discernimento do que isto realmente signifique, e suas responsabilidades, pois conduzir seres humanos, não é induzir bactérias na direção ao extermínio, como fazem os ligados atualmente a partidos, e por vezes, possuidores de pretéritos duvidosos, pois seus seguidores histéricos, nem ao menos, procuram fontes de informação sobre estas criaturas.
Portanto a lógica inicial é o DEVER de:
-Reconhecer inicialmente deficiências, seguindo a razão lógica, estratégica, para um verdadeiro conhecimento científico;
-Abandonar os " achismo, revisionismos e relativismos, não há problema algum, rever conceitos, perceber os efeitos da doutrinação e corrigi-las a tempo;
-Não há problema algum, em reconhecer para si, fraquezas e fragilidades;
-Não há problema algum, em almejar função cíclica no poder...desde que não sejamos auto-intitulados, pois lideres, não são fabricados, ou eles nasceram com este dom, ou não! ...E mesmo sendo um líder “nato”, devem respaldar sua atuação no conhecimento, ou será fadado à inutilidade eterna, e seus atos nulos, por qualquer imbecil que aparecer.
Diante o ciclo de vida, de algo: "[...] intenção, maturação, saturação e extinção!
Em qual ponto neste ciclo, você supõe que o Brasil esteja?
Sob uma ótica simplista, existe uma visão otimista, outra pessimista, que estão embutidas na mesma analise objetiva, logo, estamos na fase da intenção, nossa trajetória será longa, e devemos iniciar onde paramos de evoluir, em 1986, e desejar que a Caixa de Pandora, seja aberta, e nossa história de fato seja contada, pois um ser sem pretérito, jamais terá um próspero futuro, no máximo um presente sem bases sólidas, e é o que vivemos hoje, pisando em ovos, e assim determinar como foco a ORDEM, como ordenamento e regras claras, e PROGRESSO, no sentido de trajetória de crescimento amplo e irrestrito, dando um basta na farsa do progressismo comunista, junto a suas farsas e meios.
Portanto, e sobre tudo, Cidadãos, Militares, e Juízes, devem, sob ótica particular, se unir de fato, para organizar bagunça, com base em pilares básicos, por obvio destroçados:
-Moral - Reconhecendo de fato sua parcela moral;
-Justiça - Julgando e punindo, quem quer que seja;
-Leis e Regras - Reorganizando leis e regras;
-Cultura - Rever a cultura, ensino e métodos no Brasil;
-Moral, ética - Combater os males em todas esferas, com o comprometimento amplo e irrestrito;
-Cidadania, família - Cada ser humano brasileiro, vigiar pensamentos e atos cívicos, para barrar o câncer da: ignorância; imoralidades; e as variáveis da corrupção;
-Meritocracia - Como também: retomar a meritocracia; e o respeito harmônico entre cidadãos; e a obvia independência harmônica dos Poderes; e permitir no máximo uma tríade partidária, de verdadeiras oposições, e debates com conteúdo, pró Nação.
-Religião – Reorganizar a bagunça que fizeram com a subversão dos fatos, no que tangencia ao termo Estado Laico nos órgãos públicos, por certo um ato subversivo de comunistas, de fácil resolução. Luciano DeAl 250320161838